top of page

Artigos

Na Inglaterra, as privadas atolaram

Na Inglaterra, a crise da prestação os serviços de água e esgoto por empresas privadas está sob a luz dos holofotes. Enquanto isso no Brasil, desde o golpe que depôs a presidenta Dilma Roussef, a privatização dos serviços públicos de água e esgoto ganha impulso, por meio de variadas formas: venda de empresas estaduais, privatização de serviços autônomos (SAAEs, concessões parciais e parcerias público-privadas.

“Cashback para o saneamento não resolve todos os desafios com a reforma tributária”

Saneamento: A Economia, a Sociologia e a Filosofia sempre estiveram presentes nos Movimentos Político-Institucionais pela prestação dos serviços públicos

Mestre em Saúde Pública na área de estudo da Gestão, Regulação dos Serviços Públicos de Saneamento
(Fiocruz), engenheiro civil e bacharel em Química, secretário executivo da Aesbe.

Federalizar a COPASA?

Mais conhecida como COPASA, a Companhia de Saneamento de Minas Gerais se originou da incorporação em 1973 do Departamento Municipal de Águas e Esgotos de Belo Horizonte (DEMAE) pela COMAG (Companhia Mineira de Água e Esgoto). A COMAG havia sido criada pelo governo mineiro em 1963 para planejar, projetar, executar, ampliar, remodelar e explorar diretamente, no Estado, serviços urbanos de água potável e esgotos sanitários, mediante convênio com os municípios.

Gerenciamento de resíduos de saúde do cuidado domiciliar e economia circular: um compromisso com a saúde e o meio ambiente

Leia o artigo da engenheira Roseane Garcia, diretora da ABES-SP e coordenadora das Câmaras de Resíduos Sólidos e de Saúde Ambiental da entidade.

Brasil, 2 (dois) séculos de conflitos entre privado e público no saneamento básico

Os conflitos entre os vários grupos sociais e étnicos que compõem o Brasil desde a invasão pelos portugueses resultaram em um projeto político de nação diversificado.

A falsa dicotomia “público vs privado” no saneamento básico– o que nos mostra a experiência internacional!

Rudinei Toneto Júnior*
Amaury Patrick Gremaud**
Alexandre Ganan de Brites Figueiredo***

Mais uma vez os decretos de saneamento

As questões ainda merecem debates, até porque o debate é natural da democracia e da evolução científica. Porém, o debate técnico e construtivo.

Esgotamento sanitário e água para consumo humano: fundamentos para uma vida saudável

Denise M.E. Formaggia e Roseane Maria Garcia Lopes de Souza abordam a importância do destino adequado das excretas e da água potável.

Entenda qual é a relação entre a privatização da Eletrobras e o futuro do saneamento no Brasil

Muito têm se falado sobre o processo de privatização da Eletrobras. E as críticas são muitas, vindas desde de Armínio Fraga até Lula, passando por Alexandre da Silveira, Ministro de Minas e Energia

O Banco COPASA – a mão invisível que está fechando as torneiras (e enchendo os bolsos)

Leia o artigo de Lucas Tonaco, dirigente da FNU e do Sindágua-MG

Sem fiscalização, Águas de Manaus realiza serviços medíocres

Os serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário realizados pela empresa Águas de Manaus não têm sido efetivamente monitorados

Os novos decretos do saneamento – É a vez dos engenheiros

Do especialista Wladimir Antonio Ribeiro, publicado na Agência iNFRA

Avanços no saneamento esbarram na baixa capacitação em todos os níveis

Carlos Augusto Chernicharo, doutor em engenharia ambiental; Thiago Bressani Ribeiro, doutor em saneamento, meio ambiente e recursos hídricos

Repasses automáticos de recursos federais para o saneamento básico

A importância dos fundos públicos em um contexto de endividamento e escassez de emendas parlamentares

Em Defesa da Gestão Pública do Saneamento. Não à Privatização!

A privatização do saneamento básico traz elevação das tarifas e não avança na universalização, porque nenhum capitalista vai querer jogar dinheiro em áreas com pouco retorno.

Gerenciamento de água de drenagem em áreas agricultadas: uma revisão

Trabalho de conclusão de curso de Renata M. C. de Souza, do Departamento de Engenharia Agrícola e Meio Ambiente da Universidade Federal Fluminense

Avanços no Sistema de Informações sobre Recursos Hídricos no DF

Engenheira civil, representante da ABES/DF na CTPA, propôs a criação de três grupos de trabalho para estudar a integração de dados sobre recursos hídricos no DF

POLITICA AMBIENTAL – UM ENFOQUE EM EMPRESAS DE PALMAS

Este trabalho objetiva averiguar as
políticas ambientais das empresas de Palmas.

A água que temos: a situação das águas no DF, os riscos à sua qualidade e os impactos aos usos.

Apresentação sobre a avaliação de água no Distrito Federal

EMPRESAS E MEIO AMBIENTE: CONTRIBUIÇÕES DA LEGISLAÇÃO AMBIENTAL

O direito ambiental surge como um forte aliado para o alcance de uma nova conduta ambiental empresarial.

FÓRUM LIXO&CIDADANIA: extemporâneo face a PNRS?

Eleger os catadores como parceiros prioritários na coleta seletiva, garantindo trabalho e renda para os mesmos.

Boletim ABES/DF Volume 02, Edição 01

Confira as notícias do mês de maio/2015, no boletim volume 02.

Lei RCD DF 4.704 - 2011

Dispõe sobre a gestão integrada de resíduos da construção civil e de resíduos volumosos e dá outras providências.

Manual RCC CREA

Guia profissional para uma gestão correta dos resíduos da construção.

Manual RCD Vol.1

Manejo e gestão de resíduos da construção civil - como implantar um sistema de manejo e gestão dos resíduos da construção civil nos municipios.

Resumo do Balanço da ABES DF do período Julho/2013 a Julho/2015

Confira aqui o balanço detalhado das contas da ABES DF no exercício julho/2013 a julho/2015.

Apresentação Camila Campos - Reguladora Adasa

Bióloga, mestre em ecologia pela UFMG, Coordenadora de Informações Hidrológicas da ADASA.

Enquadramento das Águas do DF. O que temos, o que queremos e o que podemios

Apresentação Marcos Helano Montenegro - Presidente da ABES DF

Enquadramento CTA

Proposta de Classificação dos Rios no DF.

Nota Técnica nº 1/2014 - CRHDF

Justificativa para a alteração da proposta de enquadramento da Bacia Hidrográfica do Rio Paranaíba referente a trechos dos Rios Descoberto e São Bartolomeu no Distrito Federal.

Resolução 1 de 2014 - CRH

Resolução Conselho dos Recursos Hídricos.

Apresentação RCD - ADEMI

Oficina de Trabalho - Manejo dos Resíduos da Construção Civil e Demolição no DF.

Apresentação RCD - AMLURB_SP

Oficina de Trabalho - Manejo dos Resíduos da Construção Civil e Demolição no DF.

Campanha Brasília Limpa - sua atitude faz a diferença

Oficina de Trabalho - Manejo dos Resíduos da Construção Civil e Demolição no DF.

Apresentação RCD - SLU

Oficina de Trabalho - Manejo dos Resíduos da Construção Civil e Demolição no DF.

Curso PPP - Parte II

PPPs nos serviços públicos de saneamento - Uma visão crítica dos casos brasileiros.

Curso PPP - Parte IV

PPPs nos serviços públicos de saneamento - Uma visão crítica dos casos brasileiros.

Curso PPP - Experiências em Saneamento Básico

PPPs nos serviços públicos de saneamento - Uma visão crítica dos casos brasileiros.

Curso PPP - ASSEMAE LR de Embalagens

PPPs nos serviços públicos de saneamento - Uma visão crítica dos casos brasileiros.

Portaria 376 - FUNASA

Chamamento para apresentação de projetos de melhorias sanitárias domiciliares e abastecimento de água para áreas rurais.

Entrevista com Secretário de Educação do DF - Júlio Gregório

Recomendações para a gestão de resíduos sólidos em situação de pandemia por Coronavirus

Manejo de resíduos sólidos na pandemia do Coronavirus.

SEPARAR OS RECICLÁVEIS: UM ATO DE
SOLIDARIEDADE E DE RESPONSABILIDADE

Veja como proceder nas residências, condomínios e locais em funcionamento durante a crise sanitária provocada pela COVID 19.

Formas de controle dos riscos na volta do serviço por catadores.

Artigo sobre medidas de controle dos riscos para a retomada do serviço de triagem de materiais recicláveis por catadores em tempos de COVID-19.

Resumo executivo Projeto Saneam Prev Covid-19

RESUMO EXECUTIVO - Mais saneamento, menos COVID

Carta ao Diretor-Presidente do SLU

Carta ao Diretor-Presidente do SLU. Acompanhamento das atividades de incorporação dos catadores de materiais recicláveis como prestadores de serviços públicos.

Nota de posicionamento da ABES sobre os vetos à Lei nº 14.026/2020 – novo Marco do Saneamento

A ABES manifesta aos representantes do Congresso Nacional sua preocupação com a apreciação dos vetos à Lei 14.026/2020.

Convite à mobilização -ABES DF - Proj SB Covid assent precários

Mais Saneamento, Menos Covid – convite à divulgação e mobilização.

CONSAB-DF - Recomendação sobre saneamento rural

Recomendação de diretrizes e estratégias para o saneamento rural no DF.

Poluição por plásticos – reciclar não basta e não resolve!!

Segundo o PNUMA, programa da ONU, atualmente são geradas cerca de 400 milhões de toneladas de resíduos de plástico

Como São Francisco se tornou paradigma na gestão de resíduos sólidos urbanos

O artigo relata o histórico da Cidade de São Francisco, Califórnia, EUA no aproveitamento de resíduos sólidos urbanos. O enfoque principal foi em anos mais recentes, quando a cidade estabeleceu a meta de Lixo Zero para 2022. A partir de análise da legislação e de programas implementados gradualmente, foi descrito o processo que fez com que a cidade se tornasse um paradigma mundial na gesão de resíduos sólidos urbanos.

Água: a chance que Lula não pode perder

REVISITAR O LIXO: UMA PERSPECTIVA HISTÓRICA DE SUA TRANSFORMAÇÃO

O Uso Racional dos Sistemas de Abastecimento de Água no DF e os impactos nos valores das Tarifas

Por Adauto Santos, 24 de outubro de 2023.

Assim os rentistas cobiçam as águas do mundo

Pesquisadores internacionais advertem: corporações querem envolver a ONU na privatização dos recursos hídricos do planeta. Iniciativa afronta movimentos sociais e indígenas – e tenta apropriar-se da ideia de “bem comum”

Por Léo Heller, Meera Karunananthan, Margreet Zwarteveen, David Hall, Mary Ann Manahane e Fatou Diouf

Comparação dos Investimentos nos Municípios com Contratos Considerados “Regulares” e “Irregulares”

Rudinei Toneto Juior (FEARP-USP); Carlos César Santejo Saiani (IERI-UFU); WelberTomás de Oliveira (UFU).

Para que e para quem serve a regulação do Saneamento Básico

Sergio Antonio Gonçalves Mestre em Saúde Pública na área de estudo da Gestão e Regulação dos Serviços Públicos de Saneamento (Fiocruz), secretário da Aesbe

A Importância do Plano Municipal de Saneamento Rural na Busca pela Universalização do Saneamento Básico

Leia a análise das Câmaras Técnicas da ABES-SP de Saneamento e Saúde em Comunidades Isoladas e de Saúde Ambiental

Dia Mundial do Meio Ambiente e a privatização do saneamento básico (por Adriano Reinheimer)

Na privatização do saneamento básico aparece a mão oculta do mercado financeiro, em benefício dos mais ricos e em detrimento dos mais pobres

Saneamento e igualdade (por SENGE-RS)

As inúmeras tentativas de privatização no setor, no Brasil e em diversas partes do planeta, foram ou estão sendo realizadas por caminhos obscuros

Decretos de Lula para o saneamento são pragmáticos e oportunos

Abordagem entende expansão do setor como fomento a colaborações, não como desmonte do que já existe e funciona

Contratos “irregulares” no saneamento básico: risco para os investimentos e comprometimento das metas de universalização

Rudinei Toneto Júnior – Professor Titular do Departamento de Economia da FEA-RP/US; Alexandre Ganan de Brites Figueiredo – Professor visitante no PROLAM-USP

Decreto federal cria certificados de créditos de logística reversa

O decreto 11.413, de 2023, entra em vigor em 14/4/23, e revoga expressamente o decreto 11.044, de 2022, que instituía o Certificado de Crédito de Reciclagem - Recicla+

O saneamento nos 30 dias de governo Lula: um legado ultraliberal a superar

Há uma palavra de ordem que permeia qualquer discussão sobre "mercado": a meritocracia, uma perigosa — e mesmo falaciosa — palavra...

Em Manaus, saneamento privatizado ameaça os pobres

Sandoval A. Rocha, doutor em Ciências Sociais pela PUC-Rio, mestre em Ciências Sociais, bacharel em Teologia e em Filosofia, trabalha no Serviço Amazônico de Ação, Reflexão e Educação Socioambiental (Sares).

Mudanças no saneamento básico ampliam a participação privada

Ana L. Britto professora do Programa de Pós-Graduação em Urbanismo da PROURB-UFRJ e pesquisadora do INCT. Suyá Quintslr professora do IPPUR-UFRJ e pesquisadora do INCT.

Revista - Manual de Boas Práticas "Concurso Saneamento nas Escolas 2016".

Concurso Saneamento nas Escolas: nós fazemos 2016.

EDUCAÇÃO AMBIENTAL E SUA IMPORTÂNCIA PARA A CONSERVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE

O objetivo da Educação Ambiental é a conservação da natureza por indivíduos conscientes do seu papel como agentes da historia do planeta.

Meio ambiente e interdisciplinaridade

Desafios ao mundo acadêmico.

15 de março o Dia Mundial do Consumidor

A importância da mudança de padrão de consumo.

Boletim ABES/DF Volume 01, Edição 01

Confira as notícias do mês de março/2015, no boletim volume 01.

Boletim ABES/DF Volume 03, Edição 01

Confira as notícias do mês de julho/2015, no boletim volume 03.

RESOLUÇÃO CONAMA 307 - 2002

Estabelece diretrizes, critérios e procedimentos para a gestão dos resíduos da construção civil.

Manual RCD Vol.2

Manejo e gestão de resíduos da construção civil - procedimentos para a solicitação de financiamento.

Programação da oficina de trabalho - Manejo dos Resíduos da Construção Civil e Demolição no DF

Desafios presentes e futuros.

Avançando na gestão das águas do DF

Confira o artigo sobre a gestão das águas do DF, a classificação dos rios e os próximos passos a serem tomados sobre a implementação do enquadramento.

Processo de Enquadramento dos Corpos Hídricos do DF

Apresentação Jorge Enoch - Presidente da CBH Paranoá.

Plano de Recursos Hídricos da Bacia Paranaíba

Unidades de Gestão Hídrica.

Nota Técnica nº 2/2014 - CRHDF

Inclusão dos cursos d’água Córrego Estiva (ou Córrego Vargem da Benção), Rio Ponte Alta e Rio Alagado na proposta de enquadramento apresentada pelo Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio Paranaíba.

Resolução 2 de 2014 - CRH

Resolução Conselho dos Recursos Hídricos.

Apresentação RCD - ADASA

Oficina de Trabalho - Manejo dos Resíduos da Construção Civil e Demolição no DF.

Apresentação RCD - AGEFIS

Oficina de Trabalho - Manejo dos Resíduos da Construção Civil e Demolição no DF.

Apresentação RCD - NOVACAP

Oficina de Trabalho - Manejo dos Resíduos da Construção Civil e Demolição no DF.

Apresentação RCD - CAESB

Oficina de Trabalho - Manejo dos Resíduos da Construção Civil e Demolição no DF.

Curso PPP - Parte I

PPPs nos serviços públicos de saneamento - Uma visão crítica dos casos brasileiros.

Curso PPP - Parte III

PPPs nos serviços públicos de saneamento - Uma visão crítica dos casos brasileiros.

Curso PPP - Enquadramento Legal

PPPs nos serviços públicos de saneamento - Uma visão crítica dos casos brasileiros.

Curso PPP - Enquadramento Técnico das PPPs

PPPs nos serviços públicos de saneamento - Uma visão crítica dos casos brasileiros.

Curso PPP - Programação

PPPs nos serviços públicos de saneamento - Uma visão crítica dos casos brasileiros.

Portaria 377 - FUNASA

Chamamento para apresentação de projetos de melhorias sanitárias domiciliares e abastecimento de água para áreas rurais.

Boletim ABES/DF Volume 04, Edição 01

Posse 2017-2019.

Manejo dos resíduos na pandemia do Coronavirus

Orientações para gestores municipais, empresas prestadoras de serviços, garis e cooperativas de catadores.

Recomendaciones de saneamiento ambiental en prevencion del COVID-19 - AIDIS

Recomendaciones de saneamiento ambiental en prevencion del COVID-19 elaborado por el Comité Técnico de AIDIS 2020 – Version 1.0

Ação Direta de Inconstitucionalidade. Lei Federal 14.026/2020. Novo Marco Legal do Saneamento Básico

Medida Cautelar. Relatório do Ministro Luiz Fux / STF.

Projeto: Saneamento e Higiene preventivos à COVID nos assentamentos precários

Mais saneamento, menos COVID.

Carta ao Governador do DF

A COVID-19 e a urgência de condições mínimas de higiene e saneamento nas populações vulneráveis.

Apresentação - SB e Covid-19 em assentos precários

Orientações em modelo de apresentação.

PLANARES - QUE PLANO É ESTE? A QUEM ELE DEVE SERVIR?

Artigo sobre o processo de elaboração e o conteúdo do PLANARES.

Fornecimento de água potável a populações vulneráveis durante a COVID-19

Planejamento de fornecimento de água potável em momento de COVID-19.

bottom of page